top of page
Buscar
  • Foto do escritorProdução COPABASE

Baru Orgânico da COPABASE é lançado durante a Anufood em São Paulo

Atualizado: 19 de dez. de 2023

A castanha de baru – coletada por meio do extrativismo sustentável em reservas do Cerrado do Grande Sertão Veredas, na região Noroeste de Minas Gerais – conquistou a certificação de orgânica. Até o momento, oito propriedades foram certificadas pelo Instituto Biodinâmico de Desenvolvimento Rural (IBD). Além de agregar grande valor ao produto final, a certificação de orgânica abre mercados e a expectativa é também exportar o produto.

A castanha de baru orgânica será lançada no mercado durante a 4ª Feira Internacional Exclusiva para Setor de Alimentos e Bebidas, a Anufood Brazil 2023, que acontece de 11 a 13 de abril, em São Paulo.



De acordo com a analista técnico do Sebrae Minas, Daniele da Silva Moreira, o baru orgânico é cultivado por agricultores familiares, e a conquista do selo veio após um período de diversas adaptações e também da comprovação de um manejo sustentável e boas práticas agroecológicas.

A castanha de baru e outros produtos oriundos do bioma são beneficiados e comercializados pela Cooperativa Regional de Base na Agricultura Familiar e Extrativismo (Copabase), com sede na cidade de Arinos. Ao todo, a associação conta com 70 produtores, mas cerca de 300 famílias estão envolvidas com a cadeia do baru. Por ano, mais de 12

toneladas de castanhas são beneficiadas pela Copabase.



18 visualizações0 comentário
bottom of page