Buscar
  • fjpmcontato

Produção agroecológica oferece alternativa de renda para famílias em Minas Gerais


O projeto desenvolvido na região Noroeste de Minas - nos municípios de Arinos, Chapada Gaúcha, Natalândia, Riachinho, Uruana de Minas e Urucuia - é realizado pela cooperativa Copabase. A entidade está entre as 28 redes habilitadas e atendidas pelo edital Ecoforte Redes, em todo o Brasil, programa que visa o fortalecimento da agricultura familiar com base na agroecologia, extrativismo e produção orgânica. A iniciativa é da Fundação Banco do Brasil, do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e parceiros, com investimento social total de R$ 34,6 milhões. O objetivo do projeto da Copabase é estruturar 53 unidades de referência em pequenas propriedades rurais e assentamentos agrícolas que vão servir como modelo para disseminar a cultura da agricultura familiar orgânica e sustentável em uma região dominada pela monocultura da soja e do milho. A meta é atingir diretamente 1.750 produtores.

Leia mais www.fbb.org.br

1 visualização0 comentário